Regras de investimentos

Nossos sócios, nossas prioridades

Pensando no futuro dos nossos investimentos, estabelecemos uma série de regras para garantir a segurança de nossas aplicações.

REGRAS GERAIS

• É vedado permanecer com o saldo disponível negativo em contas bancárias e de investimento;

• É vedado permitir que as margens de garantia (garantia disponível) fiquem abaixo de 20% do total investido;

• É vedado realizar venda/compra a descoberto (venda/compra de ativos que a empresa não possui);

• Toda movimentação financeira tem primeiramente que passar pela aprovação da presidência (presidente ou vice-presidente) com pelo menos 24 horas de antecedência através de correio eletrônico empresarial;

• Só é outorgado realizar negociações nas quintas-feiras de cada semana.

NOSSO MÉTODO

• Dispor de saldo disponível de equivalentes de caixa a no mínimo uma vez o passivo circulante;

• O saldo restante será investido conforme o guidance previamente definido;

• 5% do total dos investimentos realizados tem que ser destinados para a conta investimento alocado a risco;

• É permitido investir o capital alocado a risco (quantia investida livre de regras previamente estabelecidas) em ações, FIIs, FIDC, BDRs, REITs, termos, comodities, indices, ETFs, CDS, CDO;

A ESCOLHA
DOS ATIVOS

• AÇÕES;
- E vedada a aquisição de ações de empresas que tenham mais de 01 ano de prejuízo nos últimos 5 anos;
- E vedada a aquisição de ações de empresas que tenham mais de 01 ano de dívida líquida sobre o EBITDA acima de 2,5 nos últimos 5 anos;
- E vedada a aquisição de ações de empresas que tenham mais de 01 ano de FCL-CAPEX negativo nos últimos 5 anos;
- É obrigatório a aquisição de 20 ações anuais, salvo quando não houver quantidade suficiente que preencha os requisitos citados abaixo;
- É vedada a aquisição de 03 ou mais ações que não pertençam ao segmento de listagem do novo mercado;
- É vedado a aquisição de ações de empresas que tenham queda no patrimônio líquido por 03 anos consecutivos;
- A empresa deve possuir patrimônio líquido (diferença entre os ativos e os passivos em um determinado período) positivo.

• FUNDOS DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO;
- É obrigatório manter em custódia no mínimo quatro ativos de um fundo de investimento imobiliário (aplicações de recursos em todo o tipo de negócios de base imobiliária) por ano ;
- É vedado a aquisição de cotas de um fundo imobiliário que possua o total de imóveis alocado a apenas 04 ou menos inquilinos;
- É vedado a aquisição de cotas de um fundo imobiliário que possua o total de imóveis com vacância física e financeira superior a 20% da ABL (área bruta locável);
- É vedado a aquisição de cotas de um fundo imobiliário que esteja sob regime de RMG (renda mínima garantida é um rendimento mensal pago por alguns fundos de investimento imobiliário como forma de remunerar os investidores enquanto o fundo não é capaz de ter renda própria).

• Para a aquisição de ativos do mesmo setor, será necessário avaliação prévia da presidência;

• Só é permitido a venda de opções se forem OTM (uma opção de compra cujo preço de exercício (strike) encontra-se acima do valor da cotação do ativo-objeto);

• Só é permitido fazer a venda coberta com opções que estejam com o strike acima de 5% do valor do custo médio de aquisição o ativo objeto da opção;

• É obrigatório a aquisição de no mínimo quatro ativos de renda fixa por ano (qualquer tipo de investimento que possui remuneração paga em intervalos e condições preestabelecidas).

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você é um usuário registrado, por favor faça o login. Novos usuários podem registrar-se abaixo.